Lagoa da Esperança – A Lagoa que não seca nos Lençóis Maranhenses

Um dos passeios mais cobiçados na região dos Lençóis Maranhenses, sem dúvidas, é o das lagoas. Mas o que muita gente não sabe, ou esquece de verificar, é que elas não ficam cheias o ano todo. E a única perene, é a Lagoa da Esperança.

Quando marcamos o nosso passeio para as lagoas, o pessoal da Caetés Turismo já nos informou que janeiro era o inverno maranhense e que provavelmente as lagoas não estariam cheias até lá, pois isso depende das chuvas. Mas que havia uma lagoa perene que seria a opção caso as outras não estivessem formadas ainda. E essa é a Lagoa da Esperança.

O nosso passeio saiu de Barreirinhas as 14h30m. Optamos por embarcar no pau de arara na própria agência, pois tínhamos acabado de chegar do passeio do bóia cross e se a gente fosse pra pousada pra depois sair pra almoçar, não daria tempo. Foi a conta certinha! Ufa!

O pau de arara desse passeio era um pouco mais confortável do que o anterior. Mas não se engane! Sacode do mesmo jeito – e até mais pelas areia fofa.

Nosso Pau de Arara

Iniciamos o trajeto por uma estrada de chão e depois atravessamos de balsa até o início da estrada de areia fofa e daí até a lagoa foi quase 1h30m de trajeto.

Deliciosa travessia de balsa

Em todo o trajeto o guia, que é morador da região e conhece muito, explicava sobre a vegetação (caju e buriti são predominantes) , sobre os povoados e respondia toda as nossas dúvidas sobre a região.

No meio do nada com coisa nenhuma

Quando chegamos em um dos acessos para a lagoa, o guia perguntou se alguém queria ir a pé ou se queríamos seguir e já descer na lagoa. Ao ver aquela imensidão de areia na minha frente, logo perguntei se ele iria acompanhar quem fosse caminhando. Ele disse que sim e imediatamente descemos do pau de arara e começamos nossa caminhada.

Os carros ficam aguardando na parte inferior

O visual daquelas dunas são estonteantes e nesse momento eu não consegui mais ouvir o que o guia nos dizia. Eu apenas caminhava e contemplava a paisagem.

Subindo na imensidão

Subimos lentamente, cerca de 15 minutos, admirando cada cor e cada forma que os lençóis ia nos revelando.

Passeio para Lagoa da Esperança – Maranhão

Quando chegamos no topo eu não sabia se olhava pra direita, pra esquerda, pra frente ou pra trás. É tudo tão lindo, tão perfeito que eu achei que estivesse vendo miragem.

Lagoa da Esperança

Depois da contemplação o guia nos informou que ficaríamos ali até o por do sol. Descemos então até a lagoa para um delicioso banho e fiquei admirando aquela beleza toda pelo ângulo de baixo.

Delicioso banho na Lagoa da Esperança

A lagoa da esperança chega a quase 12 metros de profundidade, mas não se assuste dá pra tomar banho tranquilamente sem precisar afundar tanto.

Em frente a lagoa há uma barraca onde vende bebidas, petiscos e até pipoca. É uma boa opção pra quem não levou o seu lanchinho.

Até a hora do por do sol eu subi e desci aquelas dunas várias vezes. Caminhei por elas, fui para vários lados, a Camille desceu de eskibunda* não oficial algumas vezes, rolamos na areia e curtimos demais todo aquele visual.

*Nāo há serviço de eskibunda no local, as crianças estavam brincando com uma tábua de uma criança local que estava emprestando.

Lagoa da Esperança

Na hora do por do sol, as pessoas se aglomeraram para assistir ao espetáculo do astro rei. Foi bonito, mas confesso que fiquei um pouco frustrada, pois o sol se põe do lado contrário ao das dunas. :/

Por do Sol
Camille se divertiu

Mas de qualquer forma, foi lindo ver que o sol vai alterando as cores dos lençóis em um dos espetáculos da natureza mais lindos que já vi.

😉

Retornamos logo após o por do sol. Eu disse ao guia que adorei e achei tudo lindo. E sabe o que ele me disse? Que eu não vi nada e que aquela lagoa nem era a mais bonita da região e que se eu voltar na época das cheias, vou ficar mais encantada ainda!

Bem… já tenho motivos de sobra pra voltar a região…

Crianças:

Crianças de todas as idades são bem vindas, mas é um passeio bem cansativo principalmente pelo trajeto. Vi muitas crianças nesse passeio de todas as idades, mas aí você tem que analisar as seguintes questões:
-Você vai ter disposição de carregar a criança no colo, caso ela não ande ainda ou esteja na fase de chão/colo?
-Seu filho(a) é aventureiro e curte esse tipo de passeio na natureza e não reclama de longos percursos?
Eu, particularmente, levaria crianças a partir de 3/4 anos.

Quanto custa?
O passeio completo custa R$85,00 por pessoa.

Qual é a melhor época para ir aos Lençóis Maranhenses?

Para ver as lagoas cheias com toda a sua plenitude, o ideal é ir entre os meses de maio a setembro. Mas se você tem a intenção de fazer passeios como o boia cross, conhecer Atins e fazer o passeio até Caburé, você pode ir em outras épocas do ano.

Lembrando que a Lagoa da Esperança é a única perene, ou seja, fica cheia durante o ano todo.

Leia também: Passeio de Bóia Cross no Rio Formiga.

Review Pousada Sítio Preguiças – Barreirinhas

Um dia em São Luís – A Cidade dos Azulejos

*Agradecemos a Caetés Turismo pela cortesia do passeio, mas nossas opiniões são com base na nossa real experiência.

Gostou dessa dica? Insira seu e-mail abaixo e receba novidades em primeira mão.

Post Author: vidadeviajete

2 thoughts on “Lagoa da Esperança – A Lagoa que não seca nos Lençóis Maranhenses

    Simone Hara

    (12 de fevereiro de 2016 - 17:04)

    Que delícia de passeio! Quero muito conhecer este paraíso um dia!

      vidadeviajete

      (12 de fevereiro de 2016 - 20:39)

      Vai sim! Vcs e as crianças vão amar. Bjs!

Deixe um comentário pra gente!